Arquivo do autor:entregacorisco

Uma pergunta honesta: Pizzolato está vivo?

Aqui vai uma pergunta que ninguém fez e que acho justo fazer.

Justo porque poderiam ter dito que Celso Daniel fugiu para a Itália, que Toninho do PT fugiu para a Itália, que Eliza Samúdio fugiu para a Itália.

Pizzolato está vivo?

Até agora, nem o pai dele sabe.

Porque o Brasil precisa da pena capital

Vejam a foto abaixo.

Violência Idoso Espancado Bahia

Se o Brasil não implantar a pena capital a população partirá para a barbárie. Os cidadãos não conseguem tolerar mais este tipo de violência.

Se seu pai fosse agredido assim o que você faria?

Um tal de @betopadre resolve dar uma de herege e toma uma excomunhão na lata

1010037

1010037 (Photo credit: El Bibliomata)

Há muito tempo não tinhamos no Brasil bispos com aquilo roxo como diria o famigerado Fernando Collor de Melo. Mas ontem o bispo de Bauru Dom Caetano Ferrari mostrou que é cabra homi.

Havia lá um padre que era conhecido no popular como Padre Beto, o Pe. (excomungado) Roberto Francisco Daniel que resolveu pregar uma religião distinta da Católica. Este padre foi chamado pelo bispo a se retratar das baboseiras que havia falado em contra da moral do catecismo.

O Pe. Beto pediu truco e o bispo colou o zap na testa dele usando o artigo 1364 do código de direito canônico que diz que que aquele que incorre em heresia pode ser excomungado. A excomunhão é a pena mais grave prevista no código de direito canônico.

Hoje o Pe. Beto postou no Facebook: “Eu me sinto honrado em pertencer à lista de muitas pessoas humanas que foram assassinadas e queimadas vivas por pensarem e buscarem o conhecimento. Agradeço à Diocese de Bauru.”

Ligando a tecla SAP, Corisco responde a ele, não Pe. Beto o senhor não é um Lutero, a sua teologia rasa de pires não serve nem para lamber as sandálias dos grandes hereges que pelo menos criavam heresias originais.

Que falta faz uma oposição!

Zé Dirceu – 10 anos e 10 meses de cadeia: ficou barato.

Ficou barato, Zé. Só 10 anos e 10 meses de cadeia.

Vejam como o direito penal no Brasil é brando. Em 21 meses o Zé sai da sua cela e vai para o regime semi-aberto. No semi-aberto ele só tem que dormir no xilindró, o resto do tempo pode passar trabalhando (tá, vai nessa). Depois de mais uns poucos anos vai para o regime aberto, onde pode dormir em casa e só fica restrito de sair da cidade.

Se o Zé tivesse nascido nos EUA teria pego life in prision. Se fosse na China uma bala na cabeça. Em Cuba, bom em Cuba nem julgamento teria.

Serra x Haddad e a incompetência de um “marketeiro”

Há muito tempo não escrevo neste espaço e, apesar dos bons ventos que sopram do STF, confesso que estou meio desanimado com a perspectiva da política no Brasil.

Confirmadas as pesquisas mais recentes, o “micador” de ENEMs, Fernando Haddad, será eleito pelo povo de São Paulo como prefeito.

No meio do julgamento do mensalão, governando o Estado de São Paulo, o PSDB pode sair derrotado da maior cidade do Brasil.

E de quem é a culpa? Em primeiro lugar, caso o desastre se concretize, de Luiz Gonzalez o pluri-derrotado marketeiro de Serra. Em segundo lugar do próprio José Serra que parece estar dando mais ouvidos a Gonzalez que à razão. Em terceiro lugar ao prefeito Kassab, que não teve força para se defender do assalto petralha à capital do estado, parece que estava mais preocupado em rachar o DEM.

Espero que nos poucos dias que faltam Serra consiga virar o jogo, não é impossível, mas é bastante difícil.

 

 

Direito à legítima defesa

A mulher de 86 anos, que prefere não se identificar, não se esquece da tentativa de assalto, no sábado à noite. O bandido invadiu um prédio no centro de Caxias do Sul e foi até o segundo andar, onde fica o apartamento dela.
“Entrou aquele moço pela porta, abriu assim. Eu olhei, ‘mas como é que tu entrou aqui?’, pensando que era meu neto. Não mexeu em nada e saiu porta afora e disse ‘te acalma’, disse para mim. Eu olhei para ele e vi que não era o meu neto. Eu fui perto do guarda-roupa e tinha o revólver. Ele disse ‘sua velha não sei o quê, abre esse portão aqui’. ‘Como é que eu vou abrir? Por onde tu entrou, tu vai sair’”, conta.
Mesmo assustada com a situação, a moradora não hesitou em usar a arma. “Pensei: ‘o que eu faço? É eu ou ele’. Pensei nas minhas filhas, nas minhas netas e peguei: ‘agora tu vai’ e ‘pá’. Ele nunca imaginava. Dei um tiro, pegou perto do coração. Depois ele foi indo, levantou o braço, eu disse ‘ele está vivo’. Lembrei dos crimes dele, e disse ‘agora vai outro’ e ‘pá’ e ‘pá’”.
A dona de casa tem dificuldade para caminhar e artrite nas mãos. Diz que nunca tinha atirado antes. A polícia apreendeu o revólver, que é uma herança da família. “Há 50 anos estava ali e nunca tinha usado. Não queria fazer aquilo, mas fui obrigada”.
A moradora foi indiciada por homicídio doloso, quando há intenção de matar, mas ela deverá responder ao inquérito em liberdade. Se a conclusão for que ela agiu em legítima defesa, o processo será arquivado.

Que gasto inútil de dinheiro público! Como se faltasse vagabundo para ser processado resolveram gastar dinheiro investigando uma senhora de 87 anos que se defendeu.

O delegado que cuida do caso ficou surpreso com a reação, por causa da idade da vítima do assalto, mas lembrou que a orientação da polícia é nunca reagir.

Como é? Podendo reagir o cidadão tem o direito de se defender. Se ele discasse 190 e a polícia chegasse logo ele poderia optar por não atirar. Do modo como andam as coisas, os cidadãos de bem deveriam ter o direito de ter as armas que quisessem para se defender.

20120612-062343.jpg

O aborto e o estado herbívoro

Vejam a imagem abaixo e respondam: a Sra. Nina é ou não a melhor representante do Estado Herbívoro?

20120311-150336.jpg

O aborto no Brasil e a CNBB

Prezados leitores, sei que não não temos sido nada assíduos aqui neste blog, no entanto gostaria de contar com a sua atenção um momento.

O tema do aborto no Brasil foi amplamente discutido na campanha de 2010 e o próprio PT havia posto isso no seu programa de governo. Dilma havia se declarado favorável à pratica de matar criancinhas no ventre materno, isto é o aborto, e não era de se esperar menos que o PT fizesse o que queria fazer.

O problema está aí. A Ministra das Mulheres (quando vai ter um ministro dos homens?) é favorável ao aborto e confessou crime de aborto cometido na Colombia.

Enquanto isso na CNBB …

A Igreja no Brasil está na lona e depois o pessoal não sabe a razão …

Ministra Eleonora Menicucci devia ser extraditada para a Colômbia

A ministra das mulheres Eleonora Menicucci confessou, como lemos no blog do Reinaldo Azevedo, que cometeu um crime (pelo menos um) na Colômbia.

O aborto, para cada vez que foi cometido, leva consigo, segundo o código penal colombiano, uma pena de 1 a 3 anos de cadeia.

Seria interessante que um promotor colombiano pedisse a prisão de Eleanora Menicucci e sua extradição para a Colômbia.

Podiam até oferecer uma recompensa …

Não preciso lembrar aqui quem são alguns dos responsáveis por ela estar aí …