Arquivos do Blog

Bolão Corisco – Quem será o próximo ministro?

Opções:

– Haddad: Este já merece há tempos

– Lupi: Outro que já devia ter pedido para sair

– Ana Buarque de Holanda: Que ela ainda está fazendo lá

– Mercadante: Aloprados ??

– Mantega: Se vier crise estamos lascados.

– Pimentel: que ele foi fazer no Apto do Zé Dirceu

Anúncios

Sérgio Cabral deve renunciar

Sim, é isto mesmo. A única atitude possível do governador Sérgio Cabral e do prefeito Eduardo Paes diante da situação de absoluta corrupção exposta na polícia do Rio de Janeiro é a renúncia imediata.

O leitor pode fazer duas perguntas: porque? e quem entraria no lugar dele?

Respondo à primeira: quando toda a cúpula da polícia civil de um estado, seus subordinados e seus antecessores, ou estão na cadeia ou cairam por ligação ou suspeita de ligação com o crime organizado a pergunta é porque estavam lá? Ignoraria o governador Sérgio Cabral as malfeitorias destes rapazes? Seria Sergio Cabral o marido traído que se recusa a admitir a presença do Ricardão no armário por berrantes que sejam as evidências?

Por ignorância ou por corrupção não podemos aceitar que Cabral continue como governador do Estado do Rio de Janeiro. Acabou! Cabral é um Mubarak tupiniquim e como tal deve ser tratado. Fora Cabral!

E com relação a questão de quem entraria no lugar de Cabral, considerando a podridão da corporação de segurança do Rio de Janeiro, é fundamental a realização de novas eleições e que o governador eleito tenha a seu dispor o apoio da Polícia Federal e das Forças armadas para exorcizar de vez a corrupção das forças de segurança do estado.

Fora Cabral! Dê o fora rápido!

Haddad, Heródes e o ENEM

Fernando Haddad é o ministro da Educação do Governo Lula. Na sua gestão o Enem teve gravíssimas falhas que prejudicou milhares e milhares de adolescente e jovens em todo país.

Haddad ainda não foi demitido. Em qualquer país civilizado o governo já o teria feito. Fosse Haddad o Ministro da Educação no Japão teria feito 切腹 ou 腹切り segundo comentou um amigo de Corisco de origem japonesa. Fosse Haddad ministro da educação na China, lá o preju com a falha do Enem seria pior, Haddad seria executado pelo governo com um tiro de 9mm na nuca e o custo da bala seria enviado para a família. Fosse Haddad ministro da educação nos EUA ou na Suécia, bom isto nunca aconteceria, ele não seria ministro lá …

O fato é que ele, toda a cúpula do INEP e demais envolvidos no Exame Nacional do Ensino médio precisam ser demitidos imediatamente.

E o que tem a ver Heródes com Haddad?

Apenas uma metáfora!

A cabeça de João Batista cortada por Heródes é apenas uma metáfora!

Nota: Para os que não sabem japonês, 腹切りé harakiri cujo termo formal é 切腹 (Seppuku)