Arquivos do Blog

Ave Lula qui se vendunt te salutant

Ave Caesar, morituri te salutant – Diziam os gladiadores ao entrar no circo romano, saudando o Cesar.

O encontro de blogueiros progressistas teve a participação do mestre espiritual destes Luiz Lula da Silva.

É de dar nojo, veja abaixo (dica @coroneldoblog)

Ave Lula qui se vendunt te salutant

Lucia Hippolito se redimiu num post recente pedindo a cabeça de Palocci

Pegadinha do Palocci!

Image by everton137 via Flickr

Confesso que via a Lúcia Hippolito dos últimos meses, talvez dos últimos dois anos com um certo “pé atrás”. Parecia por demais alinhada com o governo e falando obviedades.

O post de hoje em que ela fala de Palocci merece ser lido na íntegra e vai abaixo. Apenas um comentário: Lúcia foi das poucas jornalistas que lembrou dos affairs de Palocci na malfadada mansão dos prazeres de Brasília.

Apanhado com a boca na botija, desmentido por um simples caseiro.

Foi assim que ficou demonstrado que o poderosíssimo ministro da Fazenda Antonio Palocci ia, sim, constantemente a uma alegre casa de Brasília, frequentada também por amigos de Ribeirão Preto, lobistas e garotas de programa, tudo “regado” pelos recursos “não contabilizados” do mensalão.

Confrontado com os fatos, Palocci primeiro mentiu consistentemente em vários fóruns: comissões do Congresso, entrevistas, sorrisos, encontro com banqueiros e empresários amigos — amicíssimos.

Mas o caseiro insistia.

Saiu do governo demitido por Lula, por pressão da opinião pública, depois de ter comandado a violação do sigilo bancário de um cidadão indefeso, cujo único crime tinha sido o de ter reconhecido a presença de Palocci, não uma, mas inúmeras vezes na “alegre mansão dos prazeres”.

Absolvido no STF num julgamento esquisitíssimo, por cinco votos a quatro, em que o voto que o livrou de um processo foi todo construído para torná-lo réu, e subitamente no último parágrafo o livrou, Palocci se sentiu com o caminho livre para continuar suas estripulias.

Não considerou haver nenhum impedimento ético ou moral ser deputado, pertencer à Comissão de Finanças e Tributação e, ao mesmo tempo, exercer consultorias remuneradas a peso de ouro para empresas ávidas de manter boas relações com o governo petista.

Coordenador da campanha de Dilma Rousseff, alega que interrompeu suas atividades milionárias, mas curiosamente, depois que a candidata foi eleita, recebeu R$ 10 milhões de seus “consultados”.

Comprou um apartamento de mais de R$ 6 milhões e um escritório de R$ 800 mil.

Seria a empresa de Palocci o correspondente à SMP&B de Marcus Valério? Caixa de um novo mensalão?

Teria Palocci retirado uma “pequena comissão” sem avisar os companheiros petistas de São Paulo? Porque não resta dúvida que veio do PT de São Paulo a denúncia de que o ex-médico sanitarista trotskista tinha virado um capitalista sensacional e aumentado mais de 20 vezes seu patrimônio. Alguns dizem que aumentou mais de 50 vezes!

E o que faz Palocci diante da enxurrada de perguntas?

Se deu certo uma vez, por que não tentar a segunda?

Cala-se. Depois mente, mente, mente. Se aparecer um novo problema, o STF está ai mesmo para livrá-lo de mais essa.

E não é que o problema surgiu, na figura de dois “laranjas” que aparecem como donos de uma empresa que aluga o apartamento onde Palocci mora em São Paulo?!

E mais: Gesmo Siqueira dos Santos, tio de Dayvini (laranjas que formalmente aparecem como donos do imóvel), responde a 35 processos, incluindo falsificação de documentos.

Entre a biografia e o prontuário, pelo visto Palocci já escolheu o prontuário.

E não é de hoje.

Merval Pereira eleito para a academia brasileira de letras – grande notícia

Depois de ver vários inúteis serem eleitos para a ABL, finalmente um jornalista de peso, uma importante e sensata voz no jornalismo brasileiro, um dos poucos que não se vergaram ao lulo-petismo foi eleito membro da ABL.

Merval já havia tido seu trabalho reconhecido no belo gráfico de Cavalo Louco e agora gostaríamos de dar-lhe os parabéns.

Merval Pereira é um dos melhores jornalistas do Brasil

Jornalismo brasileiro mostra sua face medíocre

Cem dias. Este é o tempo de trégua que em geral a imprensa costuma dar aos novos governantes. Serve como um período de experiência onde se avalia o início do governo para criar uma base de onde sairão as cobranças.

Por isso, é de se esperar que dêem uma trégua a Dilma no começo de seu mandato, certo? Não errado! Muito errado! Extremamente errado!

Cavalo Louco, expõe o porque isto não deveria estar sendo feito e mostra como é medíocre o jornalismo brasileiro, com muito raras exceções.

Em primeiro lugar Dilma não representa um novo governo, ela é uma espécie de terceiro mandato de Lula, travestido em outro corpo. Lula deixou Dilma não como uma sucessora, mas como uma herdeira. Por este motivo, Dilma é o que está no governo há oito anos, e tem que ser cobrada como tal.

Em segundo lugar, a maior parte dos ministros, tirando o vozinho que deve ter enchido a cara de viagra para festinhas em motel às expensas sabe Deus de quem, é velho conhecido do governo Lula, alguns com ficha corrida bem ampla. Não há trégua neste caso. Tem que ser cobrado pelo que fizeram, pelo que não fizeram e pelos crimes que cometeram.

Em terceiro lugar, é importante que os jornais e meios de comunicação leiam seus editoriais, aqueles que mostravam como a eleição de Dilma se deu em meio a enormes abusos de poder, violências à lei eleitoral, quebras de sigilo fiscal, corrupção de assessores próximos, etc.

Esquecer estes fatos é enviar um recado claro às erenices de Brasília: “Aguenta o tranco durante a campanha que depois os otários dos jornalistas esquecem tudo e ficamos com a bufunfa”

Nestes momentos em que até a Dora Kramer a quem admirava tem fraquejado, só nos resta esperar que surja no Brasil uma verdadeira imprensa com pensamento coerente com as instituições fortes que o país precisa.

Classificação dos Jornalistas – Versão para imprimir

Cavalo Louco prometeu, Cavalo Louco cumpre!

Clique na imagem, imprima em 100cmx80cm aproximadamente e está aí seu poster de Natal!

Feliz Natal para o Corisco, Touro Sentado, General Kutusov e para todos os leitores do Blog!

Uma classificação 3D dos jornalistas

Estive sumido vários dias pois estava trabalhando num infográfico legal para o EntregaCorisco que gostaria de mostrar a vocês ainda sem o fundo bonito. A idéia é fazer um poster PDF tamanho A2.

Coloco abaixo a figura que pode ser ampliada clicando nela para ouvir vossas opiniões acerca da “justeza” da classificação.

O tamanho do círculo indica a importância de mídia do jornalista. No eixo Y temos a qualidade de texto e conteúdo e no eixo X temos o ICAPT (Índice Corisco de Antipetralhice)

Comentários são muito bem vindos.

Clique na imagem que ela fica bem ampliada

Não precisa controle social da mídia, a natureza marca

O PT é trouxa de insistir nesta tese de controle social da mídia. A mídia no Brasil, em grande parte pela mediocridade de alguns cursos de jornalismo é tão inepta que eles mesmos se controlam.

Salvo algumas poucas exceções, a situação está feia. Entre jornalistas engajados com a esquerda que aprenderam no cursinho e outros que não sabem o mínimo de lógica e outros, a maioria, que combinam os dois defeitos, os jornais produzem shows de horrores diariamente e não entendem porque vem perdendo espaço.

No Brasil o consumo per-capita de jornais é muito baixo e portanto ainda há espaço para crescer, mas seguindo a carruagem como vai, o horizonte apresenta muitas nuvens negras.

Já que fui apresentado hoje por meu amigo Corisco e só tinha por perto o Estado de São Paulo, abri-o para buscar uma matéria para criticar. Encontrei na primeira olhada, só na manchete de uma página e falei com meus tacapes, já tenho assunto.

Vaticano relativiza afirmações do papa sobre uso de preservativo; ONU elogia
Jamil Chade – O Estado de S.Paulo

Um dia após o papa Bento XVI afirmar que, em certos casos, o uso de preservativos é autorizado, o Vaticano assegurou ontem que as declarações de Bento XVI não são “uma mudança revolucionária” na doutrina da Igreja, e sim uma “visão compreensiva” para conduzir a humanidade “rumo ao exercício responsável da sexualidade”. Ainda assim, a ONU saudou o comentário do papa como “um passo significativo” na luta contra a aids.

Senhor Jamil Chade, o senhor é correspondente do Estadão no exterior, se espera um pouco de bom senso…

Vamos aos erros.

1) Vaticano relativiza afirmações do papa sobre uso de preservativo; ONU elogia – que tal escrever Papa com maiúscula como respeito ao Romano Pontífice. Antes que venha com este papo de que o estado é laico e outras sandices saiba que o NYTimes, por exemplo, usa Papa e não papa.

2) Um dia após o papa Bento XVI afirmar – Como diria Sílvio Luiz, pelas barbas do profeta. O Papa (maiúsculas espertoman) não falou nada ontem. Foram divulgados trechos de uma entrevista que ele deu. Você pegou o bonde andando e não conseguiu pular dentro ainda.

3) em certos casos, o uso de preservativos é autorizado – Não entendeu nada mesmo, mesmo, mesmo! Que mané autorizado o $&*!@. Onde você leu autorizado? Mesmo considerando que você não entendeu o conceito, o caso hipotético ao que se refere o Papa na entrevista que ainda não foi publicada é de um prostituto, ele usa o masculino aparentemente. Ora, a Igreja não autoriza a prostituição, nem recomenda, o que o Papa fala não diz respeito a uma autorização, mas a uma situação em que já há um erro.

Três lambanças grandes num parágrafo faz o Ministro Franklin Martins dormir tranquilo, sabendo que no Brasil, não precisa lei nenhuma, é como no futebol, a natureza marca.

Um petralha questiona a matéria de @gnribeiro na Veja

Um petralha, termo cunhado por Reinaldo Azevedo, questiona nos comentários a matéria feita por Gustavo Ribeiro na Revista Veja.

Diz o petralha que se auto-intitula SuperSoviet:

A Veja apenas se rendeu a realidade e aos fatos. Tentou de todas as formas melar a eleição da Dilma. Todas as suas matérias de capa eram desmentidas em menos de 24 horas. Esta do Abramovay chegou a ser patética! Tá na cara que não há fita alguma! Mero exercício de ficção política! O Abramovay desmentiu a revista no mesmo dia em que a edição chegou às bancas!
O melhor para a Veja e se contentar em ser uma mera revista de entretenimento. Informação e jornalismo não visitam esta revista há muito tempo!

Mantenho o que disse: A Veja deveria liberar as fitas. No entanto algumas frases do exemplar acima chegam a ser hilárias:

Todas as matérias de capa eram desmentidas em menos de 24 horas” e a Erenice e todo o povo da Casa Civil caiu por que?

Tá na cara que não há fita alguma” e por que fizeram a perícia da fita que não existe?

O curioso é saber o que estes petralhas chamam de jornalismo, ou quem é o guru espiritual deles. No caso deste rapaz aí, chamado SuperSoviet, deve ser o Pravda e Stalin respectivamente.

Independente do comentário do rapaz soviético, sugiro que escrevam para o twitter de Gustavo Ribeiro e lhe cobrem as fitas.

Julian Assange: ‘Tenho informações que abalariam as eleições no Brasil’

Do Estado de São Paulo, 08-XI-2010

Acompanhado por seis seguranças, o fundador do site WikiLeaks, Julian Assange, não disfarça o incômodo com o fato de não ter residência fixa, só andar com escolta armada e ver seus funcionários sendo detidos por policiais em todo o mundo. “A censura está muito mais generalizada e profunda do que a sociedade imagina”, alertou. Em entrevista ao Estado, o polêmico hacker, autodenominado jornalista e ativista, admite que nunca pensou que sua iniciativa de criar um site para publicar documentos secretos tomaria a dimensão que tomou.

Há também material sobre o Brasil que poderá ser publicado em breve?

Sim. Não posso dizer de quem se trata. Sabemos que parte da informação que temos sobre o Brasil poderia ter abalado as pretensões eleitorais de algumas pessoas. Mas não conseguimos ter tempo de publicar o material antes, diante de todo o caso do Iraque.

Comentário meu: Acho que dificilmente ele teria algo que os jornais e revistas semanais não tenham publicado já. No entanto, não custa esperar.

Artigo completo aqui.